quarta-feira, 1 de julho de 2009

O menino rico e o menino pobre.

O MENINO RICO E O MENINO POBRE
http://www.nadialopes2.blogger.com.br/maos%20dadas.JPG

Sentados na mesma pedra, á beira dágua, disse o menino ao pequenito:

– Que lindos cabelos tens! Parecem de ouro.
– Se meus cabelos fossem de ouro, minha mãe que é tão boa, não trabalharia tanto.
– Tens mãe! Exclamou o menino maravilhado.

O pequenito corou como a uma afronta.

– Se tenho mãe... Como não? Ela é que me penteia os cabelos; ela é que me conta histórias; ela é que me cura quando adoeço; ela é que me conserta a roupa e me adormece no colo, quando, cantando nas noites escuras, tremo de medo ouvindo piar a coruja. Tenho mãe, como não? Também não sou tão pobre assim.

– Pois eu não tenho! Suspirou o menino. Minha mãe morreu quando eu nasci. Estas terras, com tudo que nelas há, são de meu pai, que só me tem a mim. No palácio em que moro já se hospedou um príncipe com toda sua corte. O salão em que durmo é todo forrado de seda com lustres de ouro e tapetes onde os pés se afogam. São tantos os meus criados que, a muitos, tenho por estranhos e pasmo quando me pedem ordens.

– E quem lhe conta histórias?
– Hitórias? Leio-as nos livros.
– Quem o veste e penteia?
– A velha aia.
– Quem o acalenta, à noite, quando a coruja chirria e o vento gema nas árvores?
– Rezo a Nossa Senhora.
– Quando adoece, quem o cura?
– Os médicos.
– E quando a tristeza entra em seu coração, quem o consola?
– Choro.

Levantou-se, então o pequenito e, tomando nas suas as mãos do menino milionário, encarou-o compadecido, com os lindos olhos arrasados dágua.

– Por que choras? Que tens? Perguntou o menino comovido.
– Choro de pena, porque nunca pensei que houvesse no mundo outro mais pobre do que eu.

Coelho Neto.

11 comentários:

Sonia Schmorantz disse...

Que lindo! Amei ler isso, é necessário pensar que se nos lamentamos por algo, talvez um amigo tenha muito mais motivos para tanto...
um abraço

LadyButerfly disse...

Lindo, maravilhoso como sempre...
Quem é pobre afinal!?? quem poucos bens materiais tem, mas tem amor , ou quem pelo contrário os tem todos mas vive triste e sozinho!??

Beijo grande!

Ana Martins disse...

Maravilhoso!!!!!!
O menino tem razão, porque quem tem uma MÃE tem tudo!

Beijinhos,
Ana Martins

Laís e Livia amigas disse...

Obrigada pelos comentários!
Fernando Pessoa me fará companhia nessas férias. Quer coisa melhor do que ficar lendo um bom livro e tomando chocolate quente nesse friozinho!? hehehehehehe
Beijos, Laís.

Sheila disse...

Obrigado por visitar o meu blog. Você tem um lugar muito bonito. Eu uso o iGoogle Traduzir.

Livinha disse...

Bom Dia Furtado!!
Hoje precisei de muita concentração, para começar o dia em direcionar sua resposta ao comentario em meu blogger. Acabei de ler sua materia "Cadê a Educação" o que se lamenta em não poder responder, vez que tal não se deu no limiar dessas vidas...
Baboseiras meu amigo é necessário expelir, vez que podemos sufocar nossos pensamentos e vontades pela ansia de obter um mundo melhor.
OLha, as tuas baboseiras respondi com outras no poema que acabei de postar, que me veio por inspiração seguida a leitura de seu comentario... Passe lá. "O caminho em Deus"..
Qto ao tema de sua postagem, nos deixa deveras mais sensibilizados ainda, diante de tão crua realidade.
Te envio então o poema:
Por que Choras?

Por que choras linda criança
ainda com a vida por iniciar,
não vês que sois a esperança
pra esse mundo mudar?

-Choro por sentir vontade
de carinho, de fraternidade,
para a vida me alegrar...

Sou ainda uma semente,
trazida, de um jeito qualquer,
mas eu já fui rejeitado,
lamento, ninguém me quer.

Não me basta ter abrigo,
busco proteção amiga,
braços que a mim afaguem
não só roupa, cama, comida..

Quero uma mãe para amar
um pai para me proteger,
somente assim encontrarei
uma razão pra vencer.

Como posso ser esperança,
vendo em tamanho truísmo
quem pode me dar segurança
nesse mundo de egoísmo?
LíviApetitto:04/02/09

Um fim de semana iluminado para que não deixemos se apagar a esperança...

Bjss

Moderador disse...

Oi, boa tarde,

Gostaria de falar com você, mas não sei se o email disponível em seu blog é o que acessa. Por favor, entre em contato comigo pelo email: natasha.cassar@agenciafrog.com.br

Obrigada.

Nicolás Meza disse...

Hello, I am an artist; I invite it to see my works in my blog: www.nico-meza.blogspot.com

I wait for his step along my art.

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

“O poeta é um fingidor.
Finge tão completamente
Que chega a fingir que é dor
A dor que deveras sente.
E os que lêem o que escreve,
Na dor lida sentem bem,
Não as duas que ele teve,
Mas só a que eles não têm.
E assim nas calhas de roda
Gira, a entreter a razão,
Esse comboio de corda
Que se chama coração.”

(Fernando Pessoa)

Desejo um lindo final de semana com muito amor e carinho.
Abraços


VISITE TAMBÉM O MEU NOVO BLOGGER UMA ILHA PARA AMAR

mwiyono disse...

the blog having good future time
please give important informations to all other bloggers
don't forget comment a back to my blog or follow my blog
next time i come here. ok

Sueli disse...

Quantos não reconhecem os bens que possuem. Bens materiais, bens espirituais. Quanta riqueza do nosso lado passa desapercebida!!!
Ouvimos muito mais reclamações do que sons de gratidão!É preciso estar atenta (o)!!!!
Tenha uma ótima semana meu amigo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...