segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Dama da sociedade.



DAMA DA SOCIEDADE

Ela já não é mais a mesma de outrora,
Passava, olhava, e jamais ia embora,
Sem antes mostrar o seu requebrado.
Fazia questão de gingar, remexer,
Para que os homens ficassem a viver,
Pensando e sonhando com seu rebolado.

Saia transparente, blusinha decotada,
Por baixo a calcinha, na glútea colada,
Pois somente pensava, em chamar atenção.
Soutien nem pensar, a blusa era fininha,
E mostrar os biquinhos, só queria a mocinha,
Maliciosa, dos homens levantar o tesão.

Pudor? O que era? Ela nem sabia!
Pra ela, vergonha, também não existia,
Pois pra ela o belo, era pra ser mostrado.
Preconceito é bobagem, todos que se danem,
É meu e eu mostro, os homens que se inflamem,
Vou viver minha vida mostrando meu legado.

Hoje, o tempo depressa, num instante passou,
Muitos não acreditam, a mocinha mudou,
Leva uma vida recatada, com pudor, sem maldade.
E o respeito de todos, ela então conquistou,
Encontrou um bom partido, é feliz, se casou,
É mulher refinada. Ilustre dama da sociedade.

R.S. Furtado.

Visite também: 
Com a história da Literatura Brasileira 
Clicando aqui: 

16 comentários:

Elvira Carvalho disse...

Gostei. Uma coisa somos nós enquanto adolescentes. a outra somom quando assumimos o papel de esposas e mães.
Um abraço e uma excelente semana

✿ chica disse...

Bela mudança expressa aqui em poesia! abração,linda semana! chica

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Uma bela poesia amigo Furtado com algumas fases da vida em que nada é permanente.
Um abraço e boa semana.

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Ainda bem que hoje ela mudou e passou ser bem requintada.
Adorei Rosemildo.
Bjs e uma ótima semana.
Carmen Lúcia.

Edumanes disse...

Essa dama da sociedade,
já não é a mesma de outrora
porque precisam de liberdade
tem as pernas das meias fora!

Gostei do seu poema,
está mesmo nos conforme
da tristeza não tenha pena
nem quem causa a fome!

Tenha uma boa tarde de segunda-feira, amigo Furtado, um abraço.
Eduardo.

Laura Santos disse...

Antes de mais, um excelente poema!
Raras são as mulheres jovens que não gostam
de mostrar, mais ou menos exuberantemente os
seus atributos físicos. É normal. E é também normal
que depois de mais ou menos "bem casada", o recato
aconteça.
Mas existem tão belas mulheres que nem precisam chamar
a atenção, elas não conseguem mesmo é passar despercebidas!...:-)
Adorei, Furtado!
Uma semana feliz!
xx

Jaime Portela disse...

Se tudo vai mudando, a mulher também mudou...
Um belo poema, gostei imenso.
Tenha uma boa semana, caro amigo Furtado.
Abraço.

Manuel disse...

En España hay un refrán que dice: "Dime de que presumes, y te diré de que careces". La belleza está en el interior de las personas. Cada día somos más los que pensamos así, afortunadamente los tiempos van cambiando.
Bonita entrada.
Un abrazo.

Marli Terezinha Andrucho Boldori disse...

Boa noite, Rosemildo,belíssimo poema que nos traz imbutida, uma crônica sobre as meretrizes que um dia tornam-se damas de respeito, e por que o respeito não existia antes...?Assunto que ainda gera muita polêmica,pois traz em si o preconceito. Grande abraço!

CÉU disse...

Poema mto inteligente e realista.
Felizmente que vai havendo casos como os k referiu no final do seu poema. Se encontram, são amadas, amam e são felizes.
Beijos.

Poções de Arte disse...

Felizes os que conseguem mudar para melhor e encontram seu caminho na vida.
Um lindo final de semana.
Abração.

A Casa Madeira disse...

A profissão mais antiga do mundo...
É engraçado que até o poli dance hoje já é regulamentado
como esporte...
O mundo e seus paradoxos...
Mas o amor; não discrimina ninguém só ele é capaz disso...
Bom final de semana.

ReltiH disse...

UN FINAL FELIZ.
ABRAZOS

Zilani Célia disse...

OI ROSEMILDO!
SEMPRE, ENQUANTO VIVERMOS HAVERÁ TEMPO PARA O RESGATE,É O QUE TEU BELO TEXTO ASSIM O SUGERE E O ACHEI LINDO.
ABRÇS
-
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Silenciosamente ouvindo... disse...

Gostei umas ascenção para uma escala mais digna.
Um poema interessante.
Desejo que o amigo se encontre bem.
Abraço.
Irene Alves

CÉU disse...

Olá, Rosemildo!

Tenho estranhado você! Espero k esteja tudo bem.

Bom domingo.

Beijos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...