segunda-feira, 21 de outubro de 2019

Covardemente.


COVARDEMENTE

Chegava o fim da madrugada,
Lentamente o sol nascia.
Deitada ao lado, de sangue manchada,
Dormindo, inerte, ela jazia.

Tal como uma flor despetalada,
Refletindo a imagem da inocência.
Como um covarde, eu a olhava,
Por ter agido sem consciência.

Louca de amor, ela tão inocente,
A mim, se entregou, e eu com maldade.
Como um louco e covardemente,
Roubei sua valorosa virgindade.

Sentindo uma tristeza amarga,
Arrependido, uma forte dor sentia.
Por praticar um ato tão canalha,
Aproveitando-me do amor que ela nutria.

Agora, como um mísero animal,
Rogando ao senhor que me ilumine.
Espero o castigo pelo ato brutal,
De DEUS, que é o mais sublime.

R.S. Furtado
Reedição

9 comentários:

Elvira Carvalho disse...

Gostei de ler.
Abraço e uma boa semana

chica disse...

Inspiração forte, tantos canalhas agem assim! Ficou linda a poesia ! abração, ótima semana,chica

Roselia Bezerra disse...

Bom dia de paz, Rosemildo!
Infelizmente ha monstros assim Muito bem retratada uma forte e dolorida realidade.
Leva décadas e pode ate nao ocorrer a cura do trauma de ter sido covardemente usada.
Tenha uma nova semana abencoada
Abracos fraternos de paz e bem

Tais Luso disse...

Bah, e acontece aos montes por aí.
Muito bem narrado em poesia!
beijo, amigo Furtado, uma ótima semana.

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Uma bela descrição poética deste "acto de cobardia" e aproveito para desejar uma boa semana.

Andarilhar
Dedais de Francisco e Idalisa
O prazer dos livros

Jaime Portela disse...

Um acto de enorme covardia, na verdade.
Muito bem retratado no poema, que é brilhante.
Caro Furtado, continuação de boa semana.
Abraço.

A Casa Madeira disse...

Pessoas bem intencionadas o inferno está cheio k;
com certeza é algo muito triste.

Obrigada pela sua visita e suas palavras na casa;
Não tem o requinte nem o luxo de algumas casas de madeira;
mas rimos muito por aqui k.
PAZ E BEM, para ti e para os teus.

Boa entrada de mês de novembro.

SOL da Esteva disse...

Arrependimento é algum sentimento. A mal formação é a raíz destes pesadelos.

Abraço
SOL

Diná Fernandes disse...

Bom dia caro Rosemildo,

Focou um tema oportuno, o que mais acontece em nosso dia-a-dia esse tipo de abuso, e tardiamente, fala em arrependimento, coisas de covarde mesmo.

Bom e bnçoado domingo.
Bjss no core amigo.