segunda-feira, 13 de novembro de 2017

Crescer ou inchar?


CRESCER OU INCHAR?  

Crescer é uma coisa e inchar é outra totalmente diferente, pois o crescimento é feito de uma forma responsável, coordenada e bem alicerçada, enquanto que, o inchaço, é como uma balão inflado, estoura quando espetado.” 

 R.S. Furtado 

Visite também: 
Clicando aqui:

11 comentários:

✿ chica disse...

Fazer entrar isso na cabeça desses nossos governantes que parecem nem cabeça ter! Melhor que SUAS cabeças não inchem, pois se estourarem, vai feder mais ainda com o que de dentro delas sair...abração, linda semana! chica

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Infelizmente meu amigo à muita gente que incha em vez de crescer.
Uma boa semana.

Andarilhar
Dedais de Francisco e Idalisa
O prazer dos livros

CÉU disse...

Olá, estimado Rosemildo!

Uma mensagem inteligente, que vai cair na cabeça de mtas pessoas, mundialmente, embora algumas continuem inchando. Deixa, pke um dia dão um estouro, que nem uma noz, como se diz por cá.

Beijos e boa semana.

Maria Rodrigues disse...

Excelente reflexão.
Não gosto nada de pessoas inchadas.
Um abraço
Maria de
Divagar Sobre Tudo um Pouco

Elvira Carvalho disse...

Há gente que gosta de encarnar a rã.Mas tal como na fábula nunca passa de rã mesmo.
Um abraço

Vanessa disse...

Sábias palavras! Devemos sempre crescer e nos desenvolver, o inchaço é prejudicial.
Tenha uma ótima terça feira!

Smareis disse...

Boa noite Furtado!
Concordo com as palavras.
E a carapuça pode servir em muitas pessoas.
Um beijo!
Continuação de boa semana!


Jaime Portela disse...

Mas inchados há muitos...
Magnífica reflexão, parabéns.
Bom fim de semana, caro Furtado.
Abraço.

Zilani Célia disse...

OI ROSEMILDO!
BOM PARA SE PENSAR, JÁ QUE PARA MIM, O CRESCIMENTO É POSITIVO, O INCHAÇO, CHEIRA A DOENÇA, QUE MUITAS VEZES PODE SER DE EGO, DE SOBERBA E POR AÍ VAI.
ABRÇS AMIGO
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Acordar Sonhando . SOL da Esteva disse...

Muita gente incha de gozo
Por se sentir ser maior.
Egoísmo, é perigoso
Quando se não é melhor.



Abraço
SOL

AC disse...

A vida, a autêntica, não se compadece do estourar dos efémeros balões.
Gostei.

Abraço