segunda-feira, 3 de abril de 2017

Desilusão.

    
DESILUSÃO

Triste e dolorosa foi a nossa separação,
Esqueceste das tuas belas juras de amor,
Proferidas, talvez, em função do ardor,
Do fogo emanado da nossa paixão.

Desprezaste a mim, que tanto te amava,
E levava a vida só para te querer bem,
Cega para todos, sem olhos para ninguém,
Pois era somente a ti que eu enxergava.

Já não sei mais amar, já não mais sei querer,
Já não tenho na vida, mais razão pra viver,
Se só o que me resta, é essa amarga solidão.

Não mais espero que voltes à minha porta,
Teu retorno pra mim é uma esperança morta.
Por que me alimentar de sonhos e desilusão?

R.S. Furtado.

Visite também:
Clicando aqui:


11 comentários:

✿ chica disse...

Triste sentimento tão bem expresso em tua poesia! abração, linda semana! chica

Elvira Carvalho disse...

Um soneto tão bonito quanto triste.
A desilusão dói.
Um abraço e uma boa semana

Vera Lúcia disse...

Olá Furtado,
A desilusão fere profundamente, mas nem por isso devemos desistir de sonhar. Desilusões acontecem, mas a roda da vida se encarrega de nos trazer outros amores e mais razões para sorrir.

Um belo soneto!

Feliz semana!

Abraço.

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

É sempre triste e dolorosa qualquer separação, um belo poema amigo Rosemildo, gostei bastante.
Um abraço e boa semana.

Andarilhar
Dedais de Francisco e Idalisa
Livros-Autografados

Zilani Célia disse...

OI ROSEMILDO!
NA TRISTEZA A BELEZA, TEU POEMA NOS PROVA ISSO.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Tais Luso disse...

Que poema bonito, Furtado, disser tudo com muito elegância e num ritmo ótimo de ler.
Bjos, meu amigo, gostei!

Marli Terezinha Andrucho Boldori disse...

Boa tarde, Rosemildo, poema lindo mesmo sendo sobre "Desilusão".
Nas linhas, expressou a tristeza de um amor que deixou a saudade,
mesmo assim, conseguiu trazer a beleza nas palavras e construiu um belo poema repleto de sensibilidade. Abraço!

ReltiH disse...

LA DESILUSIÓN SIEMPRE UNA HERIDA. BELLO TEXTO.
ABRAZOS

Acordar Sonhando . SOL da Esteva disse...

Desilusão é caminho aberto para a tristeza.
Soneto bem marcado por uma separação que dói.


Abraço
SOL

Jaime Portela disse...

Apesar de triste, é um excelente soneto.
Bom fim de semana, caro Furtado.
Abraço.

Jonatas Rubens Tavares disse...

Olá Rosemildo

Quão dolorosa e devastadora é a desilusão! Mas como tudo nesta vida, certamente que necessária para a construção, evolução do ser.

É na sentimentalidade da poesia, da arte, que fica evidente o quanto podemos transformar a dor em beleza, a tristeza em calmaria, o pesar em leveza.

Parabéns pelos versos

Abraço

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...