segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Inútil ilusão.


INÚTIL ILUSÃO

Eu queria poder voltar a ter o teu amor de verdade,
Reviver toda àquela nossa louca paixão.
Acabar de uma vez com essa angústia, essa saudade,
Que machuca, maltrata, dilacera o meu coração.

Sinto falta das noites que juntinhos passamos,
Sentindo a brisa do mar, sob os raios do luar.
Como dois sedentos; alucinados nos amamos,
Como animais, sem pudor, sem tempo pra parar.

Se por acaso voltares pra mim, que felicidade,
Darás um fim na minha amarga e triste solidão.
Mas, não sei se por pirraça, ou mesmo por maldade,
Continuas firme, insistindo em dizer que não.

Até quando não sei, permanecerá essa ansiedade,
Nem tampouco, essa minha espera em vão.
Quem sabe, um dia, eu desperte para a realidade,
E elimine definitivamente essa inútil ilusão.

R.S. Furtado

Visite também:
Clicando aqui:

9 comentários:

CÉU disse...

Olá, meu querido amigo!

Você escreve poesia, lindamente e tudo mto certinho, no lugar.

Um lindo poema de amor, focado numa ilusão, talvez, inútil, querido, Rosemildo, não há nenhum homem ou mulher insubstituíveis no plano sentimental. Sempre assim foi, é e será.

Claro k aparecerá em "sua vida" uma menina linda, bem torneada (risos), simpática, olhos amendoados e k, mto facilmente fará "você" esquecer a outra ingrata.

Beijos e boa semana.

CÉU disse...

Pois, Fidel já se foi, e para muitos ele já deveria ter morrido há muitos anos, mas cada um parte na hora determinada.
Motivo de festa para tantos exilados políticos e tantos desaparecidos, mas outros ficarão com saudade do líder, do comunista marxista-leninista, que teve 5 mulheres e 8 ou 9 filhos (o homem, afinal, tb, teve tempo pra essas coisas, pra esses" deboches"-risos).

Felizmente, que há seres orgânicos, EM VIAS DE EXTINÇÃO!

Beijos e fique bem!


Elvira Carvalho disse...

Um belo poema, um lamento de amor.
Sabe o que a minha avó sempre dizia. "Uma nódoa de amora, com outra amora se tira."
Que é o mesmo que dizer que um desgosto de amor, com outro amor se esquece.
Um abraço e uma boa semana

lua singular disse...

Oi Furtado
Que ama de verdade se arrisca e vai atrás. Quem sabe algo inusitado acontece.
Beijos
Lua Singular

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Magnifico e belo poema de amor amigo Furtado, gostei bastante.
Um abraço e boa semana.
Livros-Autografados

Clau disse...

Olá Furtado ;)
Bonita composição poética.
Uma pena que a ilusão só produz frutos amargos...
Bjs!

Bianca disse...

Parabéns e lindo poema.

Jaime Portela disse...

Enquanto há esperança, o amor persiste...
Magnífico poema, gostei muito.
Bom fim de semana, caro amigo Furtado.
Abraço.

Silenciosamente ouvindo... disse...

Uma desilusão de amor custa muito
a passar.
Como sempre mtº. bem escrito
pelo amigo.
Abraço.
Irene Alves

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...