domingo, 12 de junho de 2016

Pidido de incaiada.




PIDIDO DE INCAIADA

Já tava eu toda discunsolada,
Muito triste e incabrunhada,
Sozinha, no véio barracão.
Pensando cuma ia brincá,
Sem tê ninguém pra dançá,
Na festa qui vem di São Jão.

Pedi pro meu Santo Antonho,
Qui mi tirasse dos sonho,
E arrumasse um home pra eu.
Mermo vendo minha cara suja,
Mucha e feia cuma uma curuja,
Bem bonzim, ele mi atendeu.

Quem sabe, pra fazê um teste,
Mi arrumou um cabra da peste,
Pra mode vê si mi agradava eu.
Quando butei os óio nele,
Vi logo qui ia gostá dele,
E ele logo ia gostá de eu.

O cabra é inté bom de dança,
Mais ainda, quando enche a pança,
Vai dançá tudo qui aparecê.
E pra festança qui tá chegando,
Eu já tõ logo mi preparando,
Pruquê vou brincá pra valê.

R.S. Furtado.

Visite também:
Clicando aqui:

15 comentários:

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Achei uma graça esse pedido Rosemildo!
Perdão em não ter vindo visitá-lo em outras publicações,mas uma das últimas vezes o meu anti-vírus disse que havia vírus,aí fiquei com receio.rs
Bjs um lindo domingo e Feliz dia dos Namorados.
Carmen Lúcia.

Edumanes disse...

Bem falando de Santo António de Lisboa,
lindo poemas apelativo escreveu o poeta
há sardinha assada, pão, vinho e broa
vai ser de certeza uma divertida festa.

Casamentos de Santo António,
marchas populares desfilando na avenida
até ás tantas tudo vai ser giratório
o Zé tocando harmónio, dançando a Maria!

Tenha um bom dia amigo Furtado, um abraço.
Eduardo.

Jaime Portela disse...

Um poema divertido, como convém nesta quadra dos santos populares.
Magnífico poema, meu amigo, gostei imenso.
Caro Furtado, tem um boa semana.
Abraço.

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Muito apropriado visto hoje ser o dia de Santo António de Lisboa.
Um abraço e boa semana.

Elvira Carvalho disse...

Apropriado ao dia. E divertido. Era mineira a encalhada?
Abraço

Vera Lúcia disse...


rsrs...
Lega!!!!
Bem bolada esta homenagem a Santo Antônio.
Adorei!

Abraço.

Zilani Célia disse...

OI ROSEMILDO!
ADOREI TEUS ESCRITOS NESTA LINGUAGEM CAIPIRA, MUITO INTERESSANTE MESMO.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Isa Sá disse...

Já me diverti por aqui!


Isabel Sá
Brilhos da Moda

Daniel Costa disse...

Furtado
O poema é bem bonito e bem adequado à época e o cunho da linguagem regionalista, nordestina, dá-lhe um toque que resulta muito especial.
Parabéns!
Abraço

Acordar Sonhando . SOL da Esteva disse...

Um bom poema evocativo. A tradição "ainda" é o que era.
Gostei.


Abraço
SOL

Tais Luso disse...

É bonito, Furtado, versos caipiras, ingênuos, mas tão verdadeiros!
É boa parte do nosso país, êta Brasil grandão...
Beijos, meu amigo.

Anjopoesia Anp disse...

Parabéns, gostei do seu Blog, poema este gostoso de se ler...

CÉU disse...

Olá, Rosemildo...

Pedido de encalhada. É esse o título de seu interessante poema...
St. António até k foi bonzinho, ouviu o pedido da encalhada e lhe arranjou um homem para ela se divertir nas Festas Juninas, como vocês aí dizem. Então, e os outros santos... Nós, aqui, chamamos Festas Populares, pke temos Sto António, mto famoso em Lisboa, S. João no Porto, segunda cidade mais importante de Portugal e S. Pedro, sem grande relevância.

Há palavras, que não entendi, mas subentendi. Os regionalismos são a expressão popular de uma região. Achei seu post mto divertido, para além da sabedoria e do mérito, k são apanágios de quem o escreveu.

Beijos e boa semana.

ReltiH disse...

UN BELLO TEXTO, MI AMIGO.
ABRAZOS

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Só rindo mesmo, amigo rs rs. Muito engraçado, espirituoso. Certinho para o momento. Abração e parabéns.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...