sábado, 28 de setembro de 2013

Saudades do Corgo.



SAUDADES DO CORGO

Murmúrio de água na Terra da Purina,
Lembra a voz da montanha o meu amor.
Oh água em quebra voz”sou teu, és minha”!
Rescende em mim a madressilva em flor.

– Suas palavras dão perfume ao vento,
– Seus Olhos pedem o maior sigilo...
Sóror amando às grades de um convento,
Ó Sóror dum romance de Camilo!

De longe e ausente ao seu perfil do Norte,
Evoco em sonho as Terras do luar,
– Fragas do Corgo em medievo corte!

À Lua e o Sol para a servir e amar,
Quando a ausência vem – quem a suporte!
As saudades são o meu falar.

Afonso Duarte
Leia mais um belo soneto e a biografia do autor aqui:

Visite também:

5 comentários:

Livinha disse...

Furtado meu amigo cá de volta após alguns reparos

"Quando a ausência vem – quem a suporte!
As saudades são o meu falar."

Como sempre belos poemas apresentas, mas sem poder deixar de evidenciar o ultimo trechinho, pois quem de fato a possa suportar, quando tão presente na voz se instala e eis que se torna o constante falar...

Olha, dei uma parada mesmo no palavras e poemas. O blog fala de passado, coisas que se renovaram e outras que se acabaram e na razão já não consigo mais dele fazer parte, é como uma viagem onde sair é o meu desejo para não mais voltar e que seja a minha relíquia guardada a ser relembrada um dia.

Abrir um outro blog, quem sabe no direito de recomeçar, mais dona de mim sem me deixar levar...

Conto com sua presença por lá...

Beijinhos

Novo blog:
http://escritade.blogspot.com/

Fica na paz

Livinha

✿ chica disse...

Vim deixar um abração praiano e desejar lindo fds! chica

Severa Cabral(escritora) disse...

BOM DIA MEU AMIGO QUERIDO !
NEM SOU MINEIRA,MAS ESTOU AINDA DEVAGAR,DEVAGARINHO...MAS CHEGANDO,SE ACONCHEGANDO,rsrsrs
PASSANDO PARA UM DESEJO BEM ESPECIAL.PRIMEIRO LER A PARTE LITERÁRIA E DEIXAR UM BEIJÃO PARA O AMIGO.
TBM ESTIVE NO RECIFE ALGUMAS VEZES NESTE MEU PERÍODO DE CONVALESCENÇA E LEMBREI-ME DE VC .

Daniel Andre disse...

Bom dia meu amigo.

Sou um admirador da bela forma como escreve. São palavras,são versos, uma exaltação que arranca felicidade em ler um obra poética tão perfeita !

Falar de saudade, é falar de um passado, as vezes ainda presente em nossas vidas.

Grande abraço do amigo,
Dan.

http://gagopoetico.blogspot.com.br/

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Meu querido amigo

Hoje passando para dizer que estou a ser entrevistada no RECANTO DOS AUTORES, será um prazer a tua visita. Deixo o Link:

http://recantodosautores.blogspot.pt/

Um beijinho com carinho
Sonhadora

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...