domingo, 5 de junho de 2011

Os barcos.


OS BARCOS

"Nha terra é quel piquinino
É São Vicente é que di meu"

Nas praias
Da minha infância
Morrem barcos
Desmantelados.
Fantasmas
De pescadores
Contrabandistas
Desaparecidos
Em qualquer vaga
Nem eu sei onde.
E eu sou a mesma
Tenho dez anos
Brinco na areia
Empunho os remos...
Canto e sorrio...
A embarcação
Para o mar!
É para o mar!...
E o pobre barco
O barco triste
Cansado e frio
Não se moveu...

Yolanda Marazzo


Yolanda Marazzo Lopes da Silva nasceu em 16 de Dezembro de 1927, na ilha de São Vicente, neta de José Lopes da Silva. Uma das raras poetisas cabo-verdianas deste período e a única voz feminina na revista Claridade. Frequentou o Liceu Gil Eanes do Mindelo e concluiu os seus estudos liceais em Lisboa, para onde foi em 1943, e onde fez os cursos de Francês no Instituto Francês e o de inglês no Instituto Britânico.

Emigrou para Angola onde foi professora da Ailiance Française em Luanda. Deixou Angola em 1975 na sequência da descolonização e reside hoje em Lisboa.

• Colaborou na Claridade, Cabo Verde - Boletim de Propaganda e Informação, no Suplemento Cultural; Ponto & Vírgula e Artiletra; nos portugueses Artes e Letras do Diário de Notícias; nos angolanos Província de Angola, Jornal do Lobito, Notícia, República, etc. Figura em: Modernos poetas cabo-verdianos - Antologia, Praia, I. Santiago, 1961; Nós somos todos nós. Antologia Portugalidade, Luanda, Angola, 1969; A mulher e a sensibilidade portuguesa, Luanda, Angola, 1970; e No reino de Caliban - Antologia panorâmica da poesia africana de expressão portuguesa, Lisboa 1975. • Publicou: Cântico de /erro, Lisboa, 1976.

Fonte: Net.

8 comentários:

M@ria disse...

Saudade
é trazer para dentro do peito
o que deveria estar
ao alcance dos olhos.

Lou Witt

Beijos na alma e coração...M@ria

OutrosEncantos disse...

"....
A embarcação
Para o mar!
É para o mar!...
E o pobre barco
O barco triste
Cansado e frio
Não se moveu...

Yolanda Marazzo"

:))) poema lindissimo!
adorei conhecer Yolanda, Rosemildo, obrigada.

beijinho, bom domingo.

Amor feito Poesia disse...

Cada dia que de presente recebemos
É mais um sonho que temos
De ver o sol para todos brilhar
Neste universo nos dado para amar.

Ataíde Lemos

Feliz Semana...Beijos meus! M@ria

✿ chica disse...

Maravilha.Adorei e novamente, não a conhecia.abraços,chica e lindo domingo!

Flor de Lótus disse...

Bom dia,Furtado!
A vida pode ser comparada como uma viagem de barco, as vezes ficamos a deriva, noutras enfrentamos tempestades,mas os dias de marc calmo predominam e trazem paz ao nosso coração.
Bom domingo!
Beijoss

Everson Russo disse...

Lindos versos meu amigo,,,que consigamos navegar sempre em caminhos de paz...abraços de boa semana pra ti.

Maria disse...

Um post perfeito como sempre. Um poema lindo, não conhecia a esta poetisa.
Boa semana
Beijinhos
Maria

Carla Fernanda disse...

Lindo e prazer em conhecer mais uma biografia de talento.
Beijos e boa noite amigo!
Carla

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...