quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Visões da noite.

VISÕES DA NOITE
http://4.bp.blogspot.com/_VP04U1scQm8/SKP_KtBY7oI/AAAAAAAABd4/bdfTICVqDDM/s400/CEMIT%C3%89RIO.jpg

Passai, tristes fantasmas! O que é feito
Das mulheres que amei, gentis e puras,
Umas devoram negras amarguras,
Repousam outras em marmóreo leito!

Outras no encalço de fatal proveito
Buscam à noite as saturnais escuras,
Onde empenhando as murchas formosuras
Ao demônio do ouro rendem preito!

Tôdas sem mais amor! sem mais paixões!
Mais uma fibra trêmula e sentida!
Mais um leve calor nos corações!

Pálidas sombras de ilusão perdida,
Minh’alma está deserta de emoções,
Passai, passai, não me poupeis a vida!

Fagundes Varela.

9 comentários:

João disse...

É bom passar aqui pela manhã e encher a alma de boas palavras.

Renata Braga disse...

Palavras que enchem a alma, e o coração.


Bom sempre passar aqui.

Beijo

Taninha disse...

Fagundes Varella num romantismo sempre questionador em relação a vida burguesa e seus valores decadentes num desregramento todo seu...

Grande "último romântico" que sabia expurgar a dor...

Gostei da escolha. Parabéns!

Taninha

Úrsula Avner disse...

Obrigada por sua visita e gentil comentário meu caro Rosemildo. Um abraço.

Efigênia Coutinho disse...

Poeta romântico e boêmio inveterado, Fagundes Varella foi um dos maiores expoentes da poesia brasileira, em seu tempo. Tendo ingressado no curso de Direito (e frequentado as faculdades de São Paulo e Recife), abandonou o curso no quarto ano. Foi a transição entre a segunda e a terceira geração romantica.

BELA POSTAGEM LEIO HOJE EM SEU ESPAÇO LITERÁRIO,
EFIGENIA COUTINHO

Livinha disse...

São as dores sucumbidas das amarguras, sonhos defeitos,
desilusão...
Mtas histórias a repassar,
sonhos defeitos, momentos vãos
que os fantasmas em desrespeitos,
nos cobram as tentações...

Maravilhoso poema, grde Fagundes Varella..

Belíssimas escolhas Furtado
Parabéns!!!

Tenha um lindo e salutar fim de semana...

Bjss

REGGINA MOON disse...

Rosemildo,

(...)Pálidas sombras de ilusão perdida,
Minh’alma está deserta de emoções,Passai, passai, não me poupeis a vida!

Um Poema triste, mas certos momentos de nossas vidas assim nos sentimos...

Um beijo é ótimo final de semana!

Reggina Moon

Helô Strega disse...

Passando nesta madrugada para deixar para meu sábio amigo Furtado um abraço e um beijo bem fortes carregados de desejo bom fim de semana!
Adoro suas escolhas poéticas!
Um beijo!

Pedro Luso de Carvalho disse...

Uma bela homenagem ao poeta Fagundes Varela, que sempre será um dos nossos grandes poetas.

Abraços,
Pedro.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...